IBEROSTAR BAHIA

Por Claudia Liechavicius

O resort Iberostar Bahia é o primo-irmão mais velho do Iberostar Praia do Forte (do qual falei no post anterior). Ele não ostenta a classificação "premium", mas também é considerado um cinco estrelas. Os dois hotéis ficam dentro do mesmo complexo e os hóspedes são identificados apenas pela cor de suas pulseiras. Quem é do Praia do Forte pode usufruir dos serviços do Bahia, mas a recíproca não é verdadeira.
O resort espanhol funciona dentro da linha "all inclusive", na Bahia, desde 2006. Foi um dos primeiros do Brasil. Fica bem pertinho de Salvador (80 quilômetros) e andando pela praia até o vilarejo da Praia do Forte são apenas três quilômetros. Para ir à vila, o hotel oferece transporte em dois horários por dia, com valor de R$ 10 por pessoa. O táxi custa R$25 (bem carinho). Mas, com maré baixa dá para ir caminhando e é lindo!
.

Como o Iberostar Bahia tem 632 quartos (praticamente 100 a mais do que o Iberostar Praia do Forte) e preço mais baixo, ele é bem mais lotado do que o outro. Para quem gosta de muita gente, barulho e animação constante é uma boa. Mas, se sua ideia for curtir sombra e água fresca em paz, bem... talvez o vizinho (Praia do Forte) seja mais adequado.
.
.
Um pouco mais de sossego é possível conseguir na quiet zone. Mesmo assim, o hotel é bem mais cheio do que o Iberostar Praia do Forte.
.

Os quartos têm 36 metros quadrados e decoração bem simpática. Ficam distribuídos em três prédios, de dois andares. Os apartamentos são equipados com mini-bar (que está incluído na diária). A internet não faz parte do pacote - é preciso pagar para utiliza-la.
.-
As piscinas são o ponto alto do hotel. São várias. Tem para todo mundo. Quem quiser barulho e muito axé vai ter. Quem quiser um banquinho dentro d'água, para ficar bebericando alguma coisa, também vai ter. Mas, quem não quiser confusão pode encontrar alguns lugares mais sossegados.
.
O mar não é dos mais tranquilos da Bahia. Corais e pedras dificultam o acesso ao mar, em alguns locais da praia. Além disso a água é um pouco turva e como venta muito - tem ondas.
.
.
A infraestrutura, para quem quer ficar perto do mar, é melhor do que no Iberostar Praia do Forte. Vários quiosques, em diferentes pontos, convidam ao deleite com vista para um marzão imenso.
Atividades não faltam para aqueles que gostam de se mexer. Quadras de tênis, campo de golfe, academia, tiro ao alvo, basquete, quadra de volei de praia estão à disposição dos hóspedes. Para jogar golfe é preciso pagar um valor suplementar, além da diária. Mas, as outras atividades esportivas estão todas incluídas, assim como aula de forró, de axé e português. Bem interessante essa última opção, não é?
.
Depois de suar a camiseta, experimente o spa. Vale a pena. Ótimas massagens, com bons produtos. Já, o entretenimento noturno, digamos que não seja o ponto mais alto do hotel. Há shows diários apresentados pelos funcionários do hotel e boite. Melhor pedida é dar um pulo ao vilarejo da Praia do Forte, à noite.
Para as refeições, o Iberostar Bahia conta com quatro restaurantes. O buffet Meu Rei funciona diariamente para almoço e jantar. É aquele tipo de restaurante que oferece muito mais quantidade do que qualidade. Além desse, também é possível jantar no Mare Nostrum (cozinha mediterrânea), no Sakura (cozinha japonesa) e no Steakhouse (cozinha brasileira). Nesses 3 restaurantes é preciso fazer um agendamento prévio. Quem fica hospedado até 3 noites têm direito a fazer uma reserva. Quem fica de 4 a 6 noites, duas reservas. E, assim vai aumentando conforme o número de diárias que o hóspede ficará no resort. Também tem o La Palma que serve grelhados e aperitivos.
As crianças ficam encantadas com os saguis que circulam sem a menor cerimônia pelo resort. Eles andam pela piscina, perto dos apartamentos, na porta dos restaurantes. Estão em toda parte. E, para diverti-las, além dos macaquinhos tem um clubinho que toma conta da galera mirim, de 4 a 12 anos.
.
Entre o Iberostar Bahia e o Praia do Forte, minha preferência recai sobre o clima mais tranquilo do Praia do Forte, seus quartos mais amplos e melhores restaurantes (com a possibilidade de fazer reserva nos restaurantes do Bahia). Mas, os dois hotéis são primos em primeiro grau.
.
Rodovia BA - 99, Km 56, Praia do Forte. Telefone: (71) 3676 4200. www.iberostar.com.br

Compartilhe:

COMENTÁRIOS

  1. Olá Claudia!
    Uma vez mais com fotos muito boas que dão bem a ideia de como é o espaço em causa.
    Continuação de bons "posts".

    Mário

    ResponderExcluir
  2. Ei Mario!
    Imagino que você goste da Bahia. Mas, sei que sua preferência é o Tivoli. Como é o Tivoli?

    ResponderExcluir
  3. Oi Claudia
    Você esteve mesmo em um lugar mágico! Com este céu e este mar....acho que ficaria ali para sempre, dane-se o resto!
    Beijinhos,
    Bia
    www.biaviagemambiental.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Claudia

    Nós aqui no Inverno e vc colocando esses posts só pra fazer inveja!!hehehe...
    Feliz Natal e tudo de bom para o próximo ano...quem sabe não vai ser em 2011 que nos vamos encontrar...

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Margarida
    Por aqui o calor impera.
    Mas, amanhã estou indo rumo ao frio para te fazer companhia no clima do hemisfério norte.
    Desejo um bom Natal para sua família.
    Beijo
    Claudia

    ResponderExcluir
  6. Ei Bia, para quem gosta de natureza a Bahia é perfeita, não é mesmo?
    Praia, sol, peixinhos, tartarugas e muito axé.
    Beijos
    Claudia

    ResponderExcluir
  7. Gostei muito do seu blog!
    Oi! Vi que o seu blog também fala sobre viagens, turismo e achei super interessante! Gostaria de te convidar para conhecer o nosso blog, o Trip R3 (www.tripr3.wordpress.com) e se gostar, nos adicionar no seu blogroll. Aliás, já tomei a liberdade de adicionar o seu blog em nossa lista ;-)
    Abraços,
    Sol.

    ResponderExcluir
  8. Oi Sol!
    Estou em Nova Yorque e assim que tiver tempo vou visitar o blog de vocês e acrescentar o link no meu blogroll.
    Obrigada pela visita.
    Feliz Natal!
    Claudia

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário. Obrigada!