PUERTO VALLARTA, UM PORTO DECADENTE

Por Claudia Liechavicius

Já foi o tempo em que Puerto Vallarta, na costa oeste do México, era conhecida como um paraíso tropical e conquistava até a presença de estrelas Hollywoodianas. Bem, isso foi na década de 60 quando Richard Burton e Elizabeth Taylor protagonizaram o filme "A Noite da Iguana" que teve como locação a baía de Banderas. Depois, passou a atrair uma quantidade enorme de visitantes e se tornou um balneário bem popular. Eu diria até que um pouco decadente...


Mapa de Puerto Vallarta.

Puerto Vallarta se estende por uma faixa de uns 40 quilômetros ao longo do oceano Pacífico. De um lado fica a Antiga Vallarta (onde está a cidade propriamente dita) e do outro lado fica Nova Vallarta (por onde grandes hotéis se espalham). No meio das duas Vallartas fica a maior Marina do México, cercada por restaurantes, shoppings, hotéis e campo de golfe. Curiosamente,  a Antiga Vallarta fica no estado de Jalisco e a Nova Vallarta fica no estado Nayarit, por isso têm fusos horários diferentes. Ao entrar na cidade, o celular pergunta se você quer ajustar seu relógio.

Marina Vallarta. 

A cidade velha é até bem grande e ainda consegue manter alguns traços de um povoado mexicano. Casas brancas, ruas estreitas que sobem pela montanha, calçamento de pedras, uma praça com coreto e duas igrejinhas simpáticas. O Malecón, ou seja, o calçadão a beira-mar é por onde as pessoas circulam em busca de bares e restaurantes no final do dia. Uma grande quantidade de obras de arte enfeitam a avenida. Para comprar uma lembrança da cidade basta entrar no mercado de artesanato.

Muitas obras de arte de espalham ao longo do Malecón.


Avenida Beira-Mar - El Malecón.

Artista mexicano fazendo um tigre de miçangas, no Mercado de Artesanato.

A Paróquia de Nossa Senhora de Guadalupe é bem recente, tem 90 anos, mas sua coroa encanta.

Na escadaria da igreja, uma vendedora com seus biscoitinhos.


E, apesar da cidade não ser muito interessante, as cores vivas do México, é claro, estão sempre presentes. 

Quanto às praias, vou dizer que o país tem outras muito melhores, como as de Quintana Roo e Baja California Sur. A areia é cheia de pequenas pedrinhas e a água um pouco turva e suja. Engana-se quem acha que vai encontrar ali um mar azul turquesa típico do Caribe. Não vai. O melhor programa é tomar um barco para praticar mergulho em Islas Marietas, Corbeteña, Los Arcos e El Morro ou visitar as praias que ficam mais afastadas, como Las Animas, Quimixto e Yelapa. No entanto, para mergulhar há lugares muito mais interessantes pelo mundo afora. Espero que eu esteja enganada e tenha visto a cidade numa época em que a maré estava "virada".

O mar de Puerto Vallarta até é azul, mas um azul mais escuro, típico do Pacífico.

Hotéis não faltam. Tem um ao lado do outro: Barceló, Inter-Continental, Sheraton, Las Palmas, Fiesta Americana, Holiday Inn, NH Krystal, Westin, Meliá, Marriott, RIU e muitos outros. Mas, os melhores são o Velas, Gran Velas e Four Seasons. Quase todos ficam à beira-mar.

Grandes hotéis se estendem ao longo da baía. 

O MELHOR DE PUERTO VALLARTA

Sem dúvida, o que mais valeu a pena em Puerto Vallarta foi o jantar no elegante Café des Artistes. O restaurante é excelente. Mistura a cozinha francesa com matizes da culinária mexicana. Recebeu vários prêmios como um dos melhores restaurantes do país. Todos os pratos vieram muito bons, o ambiente é agradável, serviço excelente. Me surpreendeu positivamente. Não esperava encontrar no balneário um restaurante desse padrão. Vale um jantar, com certeza!!! O telefone para reservas é 322 222 3228. http://www.cafedesartistesdelmar.com/

COMO CHEGAR
  • Há voos diários de Guadalajara para Puerto Vallarta.
  • De carro são 350 quilômetros a partir de Guadalajara, mas como a estrada é muito cheia de curvas. O tempo para se fazer o trajeto é de mais ou menos 5 horas.
NO TRAJETO
  • A viagem foi longa de Guadalajara à Puerto Vallarta, cinco horas de carro, mas valeu a pena para ver o Vulcão del Ceboruco. Ele tem uma altitude de 2280 metros acima do nível do mar. Sua erupção mais forte foi em 1870 e não teve nenhum registro de episódio trágico, apesar da quantidade de rochas vulcânicas que se espalham por uma extensa região ao redor dele. Atualmente, ele só expele fumaça, mas é considerado um vulcão ativo. O cenário encanta e assusta ao mesmo tempo. 
Vulcão Ceboruco.

A minha impressão de Puerto Vallarta não foi muito boa. Sabe uma daquelas cidades que a gente pensa "Pronto, já vi. Está visto". E, coloca na lista daqueles lugares em que não tem vontade de voltar... Puerto Vallarta foi assim. Mesmo estando com ótimas companhias e tendo visto um sol lindo, não consegui nem mesmo tirar fotos que me deixassem satisfeita. Acho que por termos praias maravilhosas no Brasil ficamos mais exigentes. Búzios e Angra, por exemplo, são dois lugares espetaculares que chego em duas horas e meia de carro. Então, não me encantei com Puerto Vallarta. Que pena. A tão cobiçada vida noturna da cidade não me disse nada. O que valeu a pena na cidade foi o jantar no chic-descontraído Café des Artistes e, na estrada de volta, o Vulcão Ceboruco. 

Compartilhe:

COMENTÁRIOS

  1. Não gostou,mas pelo menos conheceu e pode dar a sua opinião né hehehe eu como nunca fui pra lá vou ficar quietinhaaaaa.
    Ahh e ve se aparece no meu blog ne, sumiuuu, saudades dos seus comentários !!!
    Bjssssss

    ResponderExcluir
  2. Gabi lindona!!!
    Tudo pronto para o dia D?
    Vou visitar teu blog com certeza. Adoro!!! Essa semana deu uma leve enrolada pois trabalhei um bocado.
    Beijosss
    Claudia

    ResponderExcluir
  3. Ei menina...imagino que realmente sejamos mais exigentes com relação às prais já que temos um litoral fantástico, normal. Adoro quando sou surpreendida e fico chateada quando o lugar me dá essa sensação de: pronto, conheci...que horas vamos embora?! Rsrsrsrsrs...beijocas!

    ResponderExcluir
  4. Taia,
    Ouvi tanta gente falando bem de Puerto Vallarta que acho que fui com expectativa muito alta, então não me encantei...
    Praias sujas, cheias de pescadores dizendo besteira quando você passa caminhando pela areia. Realmente, foi um desses lugares tipo: "viu, está visto".
    Agora, Los Cabos - que é relativamente perto - é um show!!!!! E, vale muitíssimo a pena!!!!!!
    Um beijo,
    Claudia

    ResponderExcluir
  5. Pode já ter tido dias melhores mas ainda assim, a avaliar pela tua crónica, ainda merece a pena a visita.
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Oi casal!
    Já estava sentindo falta de vocês por aqui.
    Obrigada pela visita.
    Claudia

    ResponderExcluir
  7. Claudia

    Puerto Vallarta também ficou muito conhecida na série de televisão "Love boat"...lembra-se??Em Portugal chamava-se o "Barco do Amor"... já não me recordo se era o porto de partida ou chegada das viagens do Love Boat...
    A série era muito divertida!Gostei imenso de rever Puerto Vallarta aqui no seu Blog!
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. A lot of very nice colored pictures Claudia..... i like this work very much.

    Greetings, Joop

    ResponderExcluir
  9. Ih, Margarida. Não assisti "Love Boat". Bom saber. Vou tentar ver na internet se acho.
    Obrigada pela dica.
    Beijo
    Claudia

    ResponderExcluir
  10. Claudia
    também já visitei Puerto Vallarta e estive no Café des Artistes, realmente foi o grande ponto positivo da estada.
    Comi e bebi de forma esplendorosa.
    Além dos garçons cantores que trabalham lá.
    abs
    VS

    ResponderExcluir
  11. VS

    É verdade, os garçons cantam uma música tipo um "Parabéns a você" cada vez que levam a sobremesa até a mesa. É muito engraçado e diferente, pois juntam mais de cinco garçons ao redor da mesa e todas as pessoas param para ver.

    O restaurante é muito elegante e a comida excelente.

    ResponderExcluir
  12. Oi Claudia!!!

    Conheci o seu blog e me apaixonei, pois tenho certeza que vou conhecer o mundo através de você e de suas fotos. Sou de Natal-RN, mas atualmente estou morando no Rio de Janeiro. Vou adicionar o seu blog no meu blogs especial.

    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Claudia, seu blog é MUITO LEGAL!!!!! Parabéns! Vou ler tudo com a maior calma e viajar sentada me deleitando! beijo, Ana Cecilia
    www.40forever.com.br

    ResponderExcluir
  14. Ana Cecília.
    Obrigada pela visita tão gentil. Já virei fã do seu blog. Vou indicar para todos.
    Claudia

    ResponderExcluir
  15. Edilza,
    Você é muito criativa e habilidosa. Parabéns pelo blog.
    Claudia

    ResponderExcluir
  16. É impossível não gostar sempre dos seus artigos. Sejam quando reflectem o quanto gostou de um local ou quando alerta para os aspectos negativos do mesmo. São as experiências e vivências que nos enriquecem e que nos permitem ter opiniões mais fundamentadas do que nos rodeia e do que conhecemos ou ficamos a conhecer.

    Concordo consigo, um lugar demasiado explorado turisticamente perde muito do seu encanto inicial e torna-se um pouco artificial e por vezes até mesmo descaracterizado.
    Beijinho

    ResponderExcluir
  17. Oi Turista!
    Puerta Vallarta já teve seus tempos áureos agora está numa fase decadente. Mas, muita gente diz que gosta. Temos muitas praias bonitas aqui no Brasil e isso faz com que sejamos muito mais exigentes.
    Além disso, a vida noturna e a tequila imperam. Como sou uma pessoa do dia, do sol, da luz, então lugares de vida noturna intensa não me seduzem.
    Obrigada pelo comentário.
    Beijo
    Claudia

    ResponderExcluir
  18. Olá, já tinha passagens compradas para porto Vallarta quando li seu blog, fui com a espectativa mínima e me surpreendi, eu amei a cidade, o clima, as pessoas, viajo o mundo também, conheço mais de 30 países e na minha opinião, nunca encontrei pessoas tão educadas e acolhedoras. A cidade te proporciona opções interessantes, passeis incríveis, yelapa é lindo, marietas impressionante, a praia secreta é encantadora, tambó fiz mergulho, jet sky entre outras atividade. Fiquei no fiesta americana, que me encantou totalmente. Bom, respeito sua opinião, mas discordo em muitos pontos, para mim, valeu muito a pena.

    ResponderExcluir
  19. Ettore,

    Eu realmente não me encantei muito com Puerto Vallarta. Tinha acabado de passar dias maravilhosos em Los Cabos, no Las Ventanas, um dos melhores hotéis que já fiquei no mundo, com um serviço totalmente incomparável. Talvez, por isso não tenha valorizado a viagem como deveria. Rs. Quem sabe numa próxima vez eu consiga baixar a expectativa e descobrir um lugar fantástico.

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário. Obrigada!