TAHAA, UMA ILHA EM FORMA DE POESIA


Difícil escolher a ilha mais incrível do Tahiti. Difícil mesmo! Cada uma delas tem sua personalidade, seus cantinhos mágicos e seus encantos. Mas, o tom azul do mar cristalino de Taha'a e aqueles corais multicoloridos cheios de peixinhos "de aquário" não saem da minha retina. Também chamada de Uporu, a ilha fica no arquipélago das Ilhas da Sociedade e divide a mesma lagoa com a ilha de Raiatea, um dos lugares mais importantes na história e na cultura do povo polinésio. 

Pôr do sol em Taha'a tendo o contorno de Bora Bora ao fundo.

Taha'a é uma ilha montanhosa muito verde cercada por lagoas de água turquesa. É famosa por suas plantações de baunilha e pelas fazendas de pérolas negras. Raiatea é sua vizinha mais próxima, apenas quatro quilômetros as separa. Já, Bora Bora pode ser avistada ao longe e ganha tons lindos durante o pôr do sol. Ao redor de Taha'a muitas ilhotas virgens, chamadas de "motus" - mais de quarenta - tornam o lugar ainda mais acolhedor.

As montanhas de Taha'a vistas da varanda do meu bangalô no resort Le Taha'a.

ONDE TAHA'A MOSTRA SEU CHARME

Numa dessas ilhotas, no motu Tautau, fica o delicioso resort LE TAHA'A, um hotel cinco estrelas, único membro do grupo Relais & Chateux na Polinésia Francesa. Ele é, sem sombra de dúvida, a melhor opção de estadia para quem quer conhecer Taha'a. Tem ambiente tranquilo, relaxado, sem frescura e muito charmoso. Ele ocupa oitenta por cento da ilhota. É espaçoso, construído no meio da vegetação nativa, cercado por praias de areia branca, tem um mar que mais parece uma piscina de tão tranquilo e uma barreira de corais inacreditável numa das pontas do motu que pode ser explorada facilmente, apenas com snorkel. É um sonho!

Além da riqueza dos corais a fauna marinha é espetacular

Para chegar, voamos de Bora Bora até Raiatea. O voo dura menos de dez minutos. É o tempo do avião da Air Tahiti levantar e logo pousar. No aeroporto de Raiatea, um barco do próprio hotel já aguardava para o transfer de 30 minutos até o motu

De Bora Bora para Taha'a são menos de 50 quilômetros. Também é possível ir de helicóptero em 15 minutos (e o visual deve ser incrível) ou de lancha em mais ou menos uma hora e meia dependendo das condições do mar (que é aberto e bem batido). Considero a combinação avião Air Tahiti e barco privativo do hotel, a mais simples e prática. Lancha e helicóptero dependem muito das condições do tempo.

Outra possibilidade é fazer um voo com a Air Tahiti de Papeete para Raiatea (de 40 minutos) e mais 30 minutos de barco até o hotel. 

Bangalôs overwater do resort Le Taha'a.

A CHEGADA

A maior parte dos hotéis da Polinésia Francesa oferece um colar de flores para dar as boas-vindas aos hóspedes. Faz parte da tradição. No Le Taha'a a recepção foi ainda mais especial. O mimo chegou na forma de uma guirlanda linda e perfumada de flores. Paixão imediata. Sabe um daqueles carinhos que fazem toda a diferença. Quase dormi com ela de tanto que gostei.

Minha guirlanda de flores.

A seguir as malas foram levadas para a nossa beach villa enquanto um drink de boas-vindas era servido na recepção do hotel, ao lado de um jardim de baunilha. Bem inusitado. 

UM CANTINHO PRA CHAMAR DE MEU

Escolhemos uma vila de frente para o mar, para termos mais espaço no quarto e mais liberdade de andar de pés descalços pela areia. Esse paraíso merece ser muito bem explorado e aproveitado!

Meu cantinho no Le Taha'a.  

Tínhamos 180 metros quadrados de puro charme ao nosso dispor. No quarto uma cama com dossel e um janelão de frente pro mar. Ao lado, uma sala de estar com um sofazão delicioso, frigobar no capricho, máquina de café Nespresso, mesa para escrever meus textos para o blog de frente pro mar (fonte de muita inspiração!) e bom wi-fi (coisa rara no Tahiti), ao lado de uma área super aconchegante com espreguiçadeiras, piscina e jardim. O banheiro era conjugado com o quarto e ainda tinha uma banheira e um chuveiro ao ar livre.

 Meu "beach villa". 

Os bangalôs overwater também são ótima escolha, especialmente os que são posicionados para o pôr do sol. São caprichados e têm parte do chão de vidro para se ver os peixinhos, arraias e tubarões passeando por ali. Eles têm 90 metros quadrados. São um pouco menores. Essa é uma escolha muito pessoal. Tudo depende das prioridades do casal.

Overwater bungalow.

UMA ROTINA SUBLIME

Acordar de frente para o mar mais azul do mundo, abrir os janelões do quarto e deixar o sol entrar. Depois, sair de pés descalços andando pela areia em direção ao café da manhã que fica numa área aberta, ventilada, toda arborizada. Isso é que é rotina, hein? Dá para repetir muitas e muitas vezes sem cansar.

Café da manhã no Le Vanille.

E já que estamos falando em comer, o resort tem três restaurantes. O LE VANILLE abre para o café da manhã e jantar. O mais sofisticado é o OHIRI, de cozinha franco-polinésia. Esse abre somente para o jantar e precisa de reserva. E para o almoço, tem o LA PLAGE que fica de frente para a piscina e para a praia. Tem peixes frescos deliciosos.

Ceviche à moda da Polinésia.

Depois é hora de escolher algum cantinho da ilha para explorar. Dá para ficar na praia, na piscina, andar de caiaque, mergulhar de snorkel nos corais, jogar tênis, ir à academia, fazer uma massagem no spa. Tem programa para mais de uma semana.

Um pouquinho de yoga para começar bem o dia.

Mas, se der vontade de ir mais longe basta solicitar ao hotel um barco com marinheiro para visitar os arredores. Para esses serviços são contratados moradores da ilha. E o nosso marinheiro foi o "melhor". Chegou vestindo pareô, usando colar de flores, cantando e tocando "Ai se eu te pego" no ukulele.  A simpatia em pessoa, esse nosso "Michel Teló Taitiano"

Os taitianos são de bem com a vida.

Com ele fomos nadar com as arraias, alimentar os tubarões e mergulhar numa ilha de corais. Ele explicou como deveríamos proceder durante o encontro com os tubarões e arraias. Nos deixou muito seguros.

Deu medo? Então vai com medo mesmo.

Mergulhando com  as arraias. É preciso ter atenção com o ferrão, na cauda.

O Safari pela Lagoa foi a excursão privativa que escolhemos para conhecer os arredores de Taha'a. O resort também oferece mergulho de profundidade, pesca, excursão a Raiatea, pic nic nos "motus"...

Para encerrar com chave de ouro, nada como reverenciar o pôr do sol em Taha'a, um dos mais especiais da Polinésia Francesa. As cores mudam a cada dia mas o astral é sempre o mesmo: mágico!

 Dias especiais num paraíso chamado Taha'a

Recomendo passar no mínimo 4 dias no Le Taha'a para você aproveitar com calma toda a energia que emana desse lugar.

Le Taha'a.

Nessa viagem também visitamos MOOREA, Bora Bora (texto em andamento), Papeete (texto em andamento), TIKEHAU, RANGIROA e TETIAROA, onde nos CASAMOS.

Leia também sobre o que você precisa saber quando estiver RUMO A POLINÉSIA FRANCESA.

E por favor, compartilhe conosco suas dicas sobre o Tahiti. Escreva aqui nos comentários. Se tiver alguma pergunta, estou pronta para responder!


Compartilhe:

COMENTÁRIOS

  1. Claudia,

    Definitivamente, o jardim de corais mais belo de toda a Polinésia está ali, no ladinho do Le Taha'a.
    Concordo contigo que é um páreo duro escolher a ilha mais linda de todo o Tahiti. Cada uma tem sua característica e é impossível comparar. Arrisco dizer o mesmo sobre os hotéis (tirando o The Brando, que daí é covardia). São tão diferentes uns dos outros e cada qual com suas especificidades, que fica bem difícil saber qual o melhor.
    Viagem linda essa sua. É um lugar para guardar naquele cantinho especial.
    Fico feliz que tenha gostado de Taha'a!

    Beijos,

    Andressa
    www.tahitiehaqui.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Andressa,

      Taha'a deixou boas lembranças. Realmente, os corais são a marca registrada das lagoas do atol. Que cores incríveis! Que fauna marinha espetacular. Demos de cara com um moreia enorme. Ui! Que susto!!!
      As arraias e tubarões também foram muito legais. E o hotel é um charme. Ocupa a ilha inteira. Super espaçoso. Pessoas fantásticas. Adorei tudo.

      Beijos

      Excluir
  2. alguem me diz como faço pra chegar nesse paraiso? tenho que ir pra onde? quanto custa as estadias nessas cabanas ai etc....
    meu zap 01591-9.91977004

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Renato,

      Dá uma lida no post. Tem todas as dicas.

      boa viagem!

      Excluir
  3. O resort de Taha'a comporta crianças?

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário. Obrigada!