USANDO O JR PASS PELO JAPÃO


Circular pelo Japão é muito fácil, seguro e caro... Considero o trem como o melhor meio de transporte para se conhecer o país. Os trens-bala Shinkansen conectam boa parte do país de norte a sul. E nos locais onde não há trem-bala, linhas regulares dão conta do recado com perfeição. Tudo funciona. Os trens passam na hora exata. São limpíssimos. Não tem empurra-empurra. A solidariedade impera. Ninguém fala alto. As pessoas não poderiam ser mais educadas. E se você precisar de alguma coisa, todos ajudam com a delicadeza típica do país. 


A simpatia das meninas na estação de trem de Kyoto.

No entanto, o preço dos trens é alto, especialmente se você comprar cada trecho isoladamente enquanto estiver no país. O ideal é comprar antes da chegada no Japão, o JR Pass ou Japan Rail Pass que é um passe vendido apenas para estrangeiros. 

O passe inclui deslocamentos em qualquer linha JR do país. Ou seja, no trem-bala, no trem que conecta o aeroporto de Narita a Tóquio (de taxi esse trecho custa ao redor de 250 dólares), no monorail que conecta Tóquio ao aeroporto de Haneda, no ferry Hiroshima-Miyajima e nos demais trens que circulam nos arredores de Tóquio e Osaka. 

Mapa das linhas de trem no Japão.

Ao comprar o JR Pass pela internet, antes de chegar no Japão, você receberá um comprovante que deve ser impresso. Ao chegar no Japão, você vai trocar esse documento pelo JR Pass. Ele será validado a partir do primeiro dia de utilização. E, depois disso, sempre que for utiliza-lo você deve apresentar o documento na estação de trem juntamente com seu passaporte. Funciona perfeitamente. Nem mesmo precisa reservar seu assento com antecedência, pois há vagões destinados ao JR Pass sem lugar marcado. Apenas para o trem-bala você deve fazer uma pré-reserva de assento e retirar um bilhete extra, antecipadamente. 

Você pode comprar o passe para 7, 14 ou 21 dias. Para ter uma ideia, o valor para 7 dias em classe econômica é 253 dólares ou 314 dólares em primeira classe. Só o trecho Tóquio - Hiroshima custa 308 dólares ida e volta e o Narita Express para Tóquio 50 dólares ida e volta.

Recomendo que você compre o JR Pass. Representa uma boa economia. Fica a dica.


LEIA TAMBÉM 

Nagano

Compartilhe:

COMENTÁRIOS

  1. Claudia
    Ainda vou conhecer o Japão algum dia... Creio que vou estranhar um pouco, terra onde tudo funciona, que maravilha!
    Belas imagens me fazem viajar antecipadamente por aqui, rs

    Beijinhos

    Bia <°(((<

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bia,

      O Japão é um daqueles lugares que fazem a gente refletir muito. Já estive algumas vezes no país e cada vez fico mais apaixonada. Eles são belos exemplos. Ensinam muito sobre solidariedade, respeito, educação, organização e por aí vai.

      Além disso, o país é belíssimo.

      Vale muito a pena conhecer. Pena a distância. É longe mesmo!!!!

      Beijos

      Excluir
  2. Claudia
    Muito Obrigado
    ótima informação
    quando estive lá nao sabia disso e gastei uma grana!!
    abraços
    VS

    ResponderExcluir
  3. VS
    Tem que comprar antes de chegar ao Japão. É de grande ajuda.

    Obrigada pela visita ao blog.

    Volte sempre!

    ResponderExcluir
  4. E pra quem vai ficar 7 dias somente em Tóquio, vale a pena comprar esse passe?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leo,

      Se você vai ficar só na cidade e não vai fazer nenhum bate-e-volta melhor comprar apenas metrô para os dias em que vai ficar na cidade, no caso, um passe para uma semana.

      Excluir

Deixe seu comentário. Obrigada!