OS MELHORES PARQUES DE LONDRES


Temporada Spring/Summer na Europa e os parques viram o refúgio ideal para quem fica na cidade. Pensando nisso, escolhi dois parques em Londres, lindos, diferentes um do outro e bem completos como sugestão de lazer, esporte e ou até cultura.  

REGENT'S PARK

O Regent’s Park é de longe, meu parque preferido na cidade, dentro dele é como se existissem outros mini parques, cada um servindo a um propósito diferente. O parque tem vários acessos, um deles, ao sul, é a ponte York Bridge que fica entre as estações de metro de Baker Street e Regent’s Park, seguindo por ela chega-se ao imponente The Jubilee Gates que é a entrada principal para o Queen Mary’s Gardens, um jardim delimitado por uma circular, parte dele todo preenchido por rosas (início de junho é a melhor época para apreciá-las). Esse jardim dá acesso a um teatro a céu aberto, que funciona de maio a setembro. Existem outros jardins dentro do parque com suas fontes e estátuas, como o Avenue Gardens (pelo nome da pra imaginar) que valem conferir. 

Aí vem a parte de esportes e lazer, tem quadras de tênis, tem um lago que oferece passeios de pedalinho e barquinhos a remo (abril a outubro), as chamadas free play areas onde se praticam rugby e cricket entre outros esportes, além de vários playgrounds para crianças. Para os amantes da corrida, o parque é perfeito porque é flat e ainda sugere circuitos com diferentes níveis de dificuldades e quilômetros a serem percorridos (link no website royalparks.org.uk ).

Lembrando que o parque preserva uma rica wildlife, com uma diversidade de pássaros e borboletas, assim como raposas e esquilos. O Regent’s Park ainda abriga o ZLS London Zoo, esse zoológico fica ao norte do parque e na divisa com Primrose Hill, uma área verde, que como o nome mesmo diz é uma colina, onde do topo é possível observar o centro de Londres. Uma borda de pedra delimita esse “ponto de observação” e nela incrustada, uma poesia de Willlian Blake diz: “I have conversed with the spiritual sun. I saw him on Primrose Hill”, pra inspirar. Vale muito a pena subir até lá, ainda mais se o dia estiver claro.

Regent’s Park


HAMPSTEAD HEATH

Também conhecido como The Heath é um dos maiores parques de Londres, fica mais ao norte e um pouco fora do circuito turístico tradicional mas é fácil chegar, seja pelo tube, (northern line) ou overground e ainda várias linhas de ônibus. O parque é imenso e em algumas partes lembra mais uma floresta fechada com caminhos sombreados pelas árvores em contra ponto aos grandes campos verdes a céu aberto. O terreno é acidentado, hilly, como dizem aqui, bom para uma caminhada ou corrida mais pesada, embora alguns trechos sejam planos.

Ao norte do Heath está a Kenwood House, uma villa em estilo neoclássico que abriga muitas obras de arte e móveis do século 18, a visitação é gratuita. Ao lado, no Kenwood Brew, uma pausa estratégica para tomar um café e admirar a vista de uma das 25 lagoas do parque, quando no verão são permitidos banhos. Outra opção é escolher a sombra de uma árvore e fazer um picnic no extenso gramado à beira da lagoa. Logo ali, mais a oeste, fica Golder’s Hill Park, um "mini parque” dentro do Heath que além de belos jardins abriga um Zoo e pracinhas para as crianças.

O viewpoint do parque chama-se Parliament Hill e é de lá que se tem uma das visões mais privilegiadas do skyline de Londres, desde as construções mais modernas como o Gherkin e a London Eye, as históricas como St Paul’s Cathedral e o Palace of Westminster, lembra a vista de Primrose Hill, porém mais ampla, já que é mais alta e afastada do centro. Na parte sul do Heath existe uma espécie de clube, com quadras, piscinas, pista de atletismo, mais cafés e restaurantes.

Então, “last but not least", quem lembra do filme “Um Lugar Chamado Notting Hill”? Com Julia Roberts e Hugh Grant, pois é, algumas cenas foram rodadas no Heath. O parque é super procurado para produções artísticas e eventos, que vão desde circos itinerantes a food markets. Fique ligado na agenda cultural!


Hampstead Heath.


Por Debora Antoniazzi

Compartilhe:

COMENTÁRIOS

Deixe seu comentário. Obrigada!