IBIZA... E VAI ROLAR A FESTA


Das Ilhas Baleares, Ibiza é a mais próxima da costa leste da Espanha. Até os anos 70 era tranquila e pouco explorada. De repente o singelo reduto hippie entrou no radar das celebridades. Sua ascensão foi  meteórica e em clima de festa. Hoje Ibiza tem uma das maiores concentrações de famosos por metro quadrado do verão europeu!

No avião, a caminho de Ibiza você já percebe o astral descolado e cheio de personalidade da galera. Chapéus coloridos, roupas exóticas, paetês e tatuagens dão o recado na pele. Um voo de 40 minutos conecta a artística Barcelona com a incensada Ibiza.

Em termos de festa a fórmula do sucesso está diretamente ligada às baladas bombásticas que rolam dia e noite com a presença de DJ’s aclamados, como David Guetta, Calvin Harris e do brasileiro Alok que atraem milhares de pessoas.

Além disso, Ibiza tem beach clubs efervescentes, ótimos restaurantes, cafés da manhã regados à champagne, hotéis ao estilo hedonista, redutos nudistas e praias de um azul estonteante.

O mix de festa + ostentação + liberdade + natureza exuberante é o convite perfeito.

Nikki Beach, em Santa Eulália, Ibiza.

As baladas mais concorridas da cidade são:

Hi que abriu as portas em 2017 e abocanhou a famosa F*** me I’m famous!, com David Guetta.

Ushuaia Club onde as festas começam as 4 da tarde a céu aberto, na beira da piscina do hotel Ushuaia que nunca dorme e vão madrugada à dentro.

Amnésia, a discoteca mais antiga da ilha, com festas super alto astral e ganhadora de várias edições do prêmio "Besta Global Club".

Privilege com uma mega balada num espaço gigantesco que recebe o título de maior balada de Ibiza.

Circoloco que incendeia a DC-10 às segundas-feiras.

Pacha onde acontece todas as quartas-feiras a tradicional Flower Power ao estilo hippie-chic anos 70, além de uma programação da pesada.

Flower Power é uma festa super tradicional do verão de Ibiza.

Para conferir a programação completa (que é bem extensa) dê uma olhada no site www.ibiza-spotlight.com

Mas, engana-se quem pensa que Ibiza não tem um lado histórico. Tem sim. Antigo, animado e lindo!

IBIZA TOWN

A cidade de Ibiza, que em catalão chama-se Eivissa, é uma das mais antigas da Europa, além de emprestar o nome à ilha. Foi fundada no ano de 645 como uma cidade fortificada à beira-mar. Guardava a entrada da baía. Dentro de suas muralhas está o antigo vilarejo de Dalt Vila (Cidade Alta), que continua sendo o coração de Ibiza e foi declarado pela UNESCO como Patrimônio da Humanidade, em 1999. Para mim, essa é a parte mais charmosa da ilha.

      
 Ibiza Town.

O centro antigo de Ibiza é muito simpático.

A fortaleza abriga um labirinto cheio de ruelas de casas brancas onde moram menos de mil pessoas. No alto, a catedral gótica se destaca, especialmente ao cair do dia, quando ganha uma iluminação discreta e pode ser vista de longe. O portão norte da muralha – Portal de Ses Taules – tem um brasão do reino de Aragão, ao qual as Ilhas Baleares pertenciam na Idade Média.

Na parte mais baixa de Dalt Vita fica o mercado velho cercado de lojinhas, bares e restaurantes.

E por falar em restaurante adorei o El Bistrô, na praça Sa Carrossa 15, de cozinha mediterrânea. Outro simpático nessa região é o La Torreta  de cozinha fusion-mediterrânea.

El Bistro.

Se quiser ficar hospedado dentro das muralhas do centrinho antigo, em Dalt Vila, dê uma olhada no charmoso Mirador de Dalt Vila, com a chancela Relais & Chateaux. Achei muito simpático!

Esse centrinho cresceu além dos muros e hoje vivem em Ibiza Town aproximadamente 40 mil pessoas, o que representa um terço da população da ilha. Fora das muralhas, mas numa distância que pode ser alcançada por uma curta caminhada vale testar os restaurantes Sa Brisa e Ebusus para provar os sabores de Ibiza na região portuária.

É do porto que saem os ferries para Formentera em dezenas de horários ao dia. Não deixe de programar uma ida à Formentera.

Porto de Ibiza.

CURIOSIDADE: próximo do centro antigo fica a necrópole de Puig de Molins, um imenso cemitério com mais de 4 mil tumbas, considerado um importante sítio arqueológico.

Além do  centro antigo de Ibiza, tem vários outros vilarejos na ilha.

HOTEL ME EM SANTA EULÁLIA

Santa Eulália do Rio, do lado leste de Ibiza, foi onde fiquei hospedada por ser uma região mais tranquila. Como o próprio nome sugere, Santa Eulália "do Rio" fica às margens do único rio da ilha. O vilarejo é singelo. Tem algumas lojinhas, uma igreja e casas. Confesso que as praias desse lado da ilha não são as mais bonitas, estive em várias (S’Argamassa, Cala Martina, Cala Nova, Cala Llenya, Pou des Lléo, Es Figueral, Aigües Blanques e Cala Sant Vicent). Elas são mais frequentadas pelos locais, menos badaladas e menos turísticas, mas são bem cheias. Por isso, é preciso alugar carro e ir para o outro lado da ilha. E saiba que mesmo que as distâncias pareçam curtas, com o movimento do verão, você vai precisar de pelo menos meia hora para chegar em algum lugar. Sempre haverá trânsito pelas estradinhas estreitas e à noite, a iluminação é ruim.

Praia de Águas Brancas ou Aigües Blanques. É a mais bonita dessa parte da ilha. No entanto, o estacionamento fica distante e é preciso descer uma boa ladeira para chegar. 

Escolhi o hotel Me Ibiza do grupo Meliá coladinho ao Nikki Beach. Já deu para sentir que o astral é festivo. Ele é novo, sofisticado, pé na areia e conta com 205 acomodações de decoração caprichada e digamos que “sensuais”. Vou explicar melhor... Depois de fazer um check in enfeitado por luzes neon e embalado por música alta, recebemos o cartão magnético do quarto.

O funcionário gentilmente nos conduziu ao amplo apartamento onde o banheiro é conjugado com o quarto e acendeu as luzes da cabeceira. De que cor? Vermelhas. O quarto todo ficou numa penumbra avermelhada e no painel de controle dizia: “sexy light”. Bem-vindo a Ibiza.

Hotel Me Ibiza.

 Quarto todo branquinho durante o dia...

... e com a tal sexy light.

Ao descer para almoçar conversando com os garçons fiquei sabendo que o hotel costuma fazer, algumas vezes por ano, uma festa fechada para clientes europeus chamada de “swing party”, onde todo prazer é permitido. Ri muito ouvindo as histórias contadas pelos garçons. O circo pega fogo!

Fora esse detalhe o hotel é “normal” e muito bom. Tem duas piscinas, uma de frente pro mar onde acontecem aulas de yoga todas as manhãs e outra num rooftop lindo onde tem aulas de antigravidade cedinho e um pôr do sol imperdível.

O café da manhã é sensacional inclusive regado a champagne, para aqueles que se habilitarem a beber ao acordar. Fico com os pães e as frutas e deixo as taças borbulhantes para os praticantes do "esporte".

Vale lembrar que o hotel é excelente, mas as praias dessa parte da ilha não são as melhores e a maior parte das baladas fica distante. Portanto, é um bom hotel para quem prefere “um pouco” de sossego, (sossego em Ibiza é muito relativo, já que o hotel está ao lado do festivo Nikki Beach), e que não se importa em pegar o carro para circular pela ilha.

Uma das piscinas do hotel Me.

PARA FICAR MUITO BEM HOSPEDADO

Inaugurou recentemente o Nobu Hotel Ibiza Bay. Está sensacional. É o melhor hotel da ilha sem nenhuma dúvida. Bem localizado, em Talamanca, perto do centrinho de Ibiza, mas numa prainha bem tranquila. Tem apenas 152 apartamentos. A decoração do hotel é super caprichada e o restaurante é dos deuses. Jantei no hotel e saí encantada com o serviço e com a exclusividade. Ele faz parte do grupo Small Luxury Hotels. Reserve com boa antecedência.

Nobu Ibiza Bay.

Um outro hotel interessante para quem quer fugir do movimento é o Hacienda Na Xamena. Ele fica sobre um penhasco, no norte da ilha, em Sant Miquel. Tem apenas 77 acomodações e um visual espetacular! Muitas celebridades se escondem lá.

PELA ILHA

O norte da ilha é onde tem a maior concentração de hippies. É a parte mais raiz, tanto que o mercado hippie Las Dalias fica próxima de San Carlos, outro vilarejo pequenino, logo acima de Santa Eulália.

Ibiza é um antigo reduto hippie.

Para quem quer agito, a maioria dos hotéis, beach clubs e baladas fica entre as praias de Ses Figueretes e D’En Bossa, em Sant Jordi de Ses Salines. É onde estão: Ushuaia Hotel (dividido em dois prédios, um no meio das baladas e outro ao lado), Hard Rock Hotel, o imenso Grand Palladium, Pacha, Hi, Le Club Ibiza... É para a galera da balada!

AS PRAIAS

Um dos pontos altos de Ibiza são as praias. Saiba que na alta temporada elas ficam totalmente lotadas! Especialmente, as do sul da ilha, onde a galera se concentra. Talamanca, Figueretes e Platja d’en Bossa são abarrotadas e nem são as mais bonitas.

A partir de Ses Salines e Sa Caleta a combinação de areia com pedras começa a ter contornos mais bonitos.

Adorei assistir o por do sol na Cala D’Hort tendo o icônico moro Es Vedrá no horizonte. Ele é considerado um dos pontos mais magnéticos do mundo. Um lugar místico da ilha, reverenciado por muita gente e de uma energia especial. Há um belo mirante no penhasco onde muita gente se reúne para curtir o pôr do sol.

Mirante do Es Vedrá, na Cala D'Hort.

Minha praia favorita em Ibiza foi Platges de Comte, de um azul estonteante e onde fica o restaurante Ashram que vive lotado, é ainda mais concorrido ao pôr do sol. É um restaurante bem simples. O que vale mesmo é o azul turquesa do mar tipo piscininha!

Platges de Comte.

Ashram.

A praia seguinte é a Cala Bassa, também muito bonita e de um azul absurdo, onde a boa pedida é almoçar no Cotton Beach Club, um restaurante no alto da falésia com bela vista da praia, gente animada e boa cozinha. Faça reserva! A lojinha do beach club é muito simpática.

Cala Bassa.

Uma prainha que muita gente recomendou, mas não cheguei a conhecer foi a Cala Gració, chamada carinhosamente de Gracioneta por ser uma enseada pequenina. Ao lado dela ficam a azul Cala Salada e a Punta de Sa Galera cheia de rochas e muito procurada pelos nudistas.

Se a ideia for curtir o pôr do sol considere além da Cala d’Hort e da Comte, o Port de Sant Miquel e a praia Benirrás (essas duas últimas perto do hotel Hacienda Na Xamena, mais ao norte)

AS MELHORES PRAIAS

Platges de Comte (minha favorita)
Cala Bassa
Cala D’Hort com ES Vedrá ao fundo
Sa Caleta
Se Saline

OS MELHORES HOTÉIS DE IBIZA (RESERVE CLICANDO NO LINK ABAIXO)

Ibiza Gran Hotel (perto do centro histórico)

ONDE COMER BEM

Nobu
Cipriani
Cotton Club
El Bistrô
La Torreta
Sa Brisa
Ebusus

COMO CHEGAR EM IBIZA

A partir de Barcelona, Madrid e Valência há voos frequentes com a Ibéria ou Vueling.

LÍNGUA FALADA EM IBIZA

Espanhol, catalão e um dialeto do catalão chamado de Ibicenho.

DOCUMENTOS NECESSÁRIOS


Para a entrada de brasileiros na Espanha, no momento é preciso apresentar passaporte com validade de 3 meses.

E viva Ibiza! Uma ilha festeira e cheia de praias lindas.

LEIA TAMBÉM

A FORMOSA ILHA DE FORMENTERA

Booking.com

Compartilhe:

COMENTÁRIOS

  1. Ibiza é meu sonho. Que fotos top!

    ResponderExcluir
  2. Conhecemos Majorica no ano de 1989. Foi uma linda viagem.. Voltarei lá um dia....

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário. Obrigada!