CONHEÇA A ESPETACULAR POUSADA ANTTUNINA EM ALAGOAS

O sol dourado de maio contrastava com o azul do mar de Maragogi quando atravessei o portão da Pousada Anttunina. Foi nesse tom de outono que meu sorriso se abriu incrédulo. Um reduto de paz e exclusividade, numa das praias mais bonitas do Brasil, na Costa dos Corais, em Alagoas, traduzida como “Caribe Brasileiro”. Ou seriam as “Maldivas do Brasil”?


Brasil? Caribe? Maldivas? (Crédito Zé Henrique @amopousadas)

Pois é exatamente no meio do caminho entre Maceió (Alagoas) e Recife (Pernambuco) que fica a cinematográfica praia de Antunes, no litoral de Maragogi, famosa pelos bancos de areia que se formam com a maré baixa, quando é possível caminhar mais de um quilômetro mar adentro com água azul turquesa abaixo dos joelhos. Quer saber a temperatura da água? Morninha. Tive o prazer de viver essa experiência indescritível enquanto estava hospedada num dos hotéis mais novos e mais incríveis do Brasil, a Pousada Anttunina.

Mapa de Alagoas para você se localizar.

NASCE UMA ESTRELA

Com apenas 19 acomodações de padrão luxuoso, num sítio de 2.5 hectares e atenta ao meio ambiente, a Anttunina veio para brilhar. É a propriedade caçula do grupo Camurim Grande nascido em 2012 pelas mãos de Marcelo Lacerda e de sua esposa Kiti Freire, quando transformaram a belíssima fazenda de cocos onde residem, localizada em uma península com 300 metros à beira-mar, na pousada Camurim Grande. O sucesso foi tão estrondoso que 8 anos depois, a Anttunina Pousada Spa saía da prancheta do badalado arquiteto Pedro Motta para virar realidade, a sete quilômetros da Camurim Grande. E que realidade! Aliás, quase um sonho. 

A Anttunina Pousada é tão especial que já recebeu o prêmio de terceiro hotel mais novo e badalado do mundo pelo Traveller's Choice do TripAdvisor.

Villa Nina, o reduto mais exclusivo da Pousada Anttunina. (Crédito Zé Henrique)

Assim que estacionei o carro, mergulhei num universo paralelo. Nesse momento tão estranho pelo qual o mundo está passando, me senti acolhida numa bolha. Se o que eu estava precisando era isolamento, paz e segurança, encontrei tudo isso e muito mais.

Difícil acreditar que na discreta praia de Antunes exista uma pousada com um nível de sofisticação tão grande, em todos os detalhes. Desde as acomodações até a gastronomia, passando pelo serviço personalizado e pelo staff altamente hospitaleiro, sem esquecer dos coelhinhos que vivem soltos e faceiros pela pousada. E onde tem bichinhos felizes, é certo que existe amor. Dá para sentir essa energia.

Coelhinhos e saguis passeiam livres pela Pousada Anttunina.

O check in foi feito ao ar livre, na sombra das árvores, a alguns passos da imensa piscina debruçada sobre a praia. Brindamos a chegada ao paraíso com uma taça de espumante e aproveitamos para almoçar sem pressa numa mesa sossegada, sem ninguém por perto. O distanciamento social é respeitado. Apenas um coelhinho destemido veio tentar a sorte. E se fartou com a cenoura que o garçom lhe trouxe fazendo valer o ditado: “Quem não arrisca, não petisca”.

Restaurante da Pousada Anttunina, cercado de verde e de frente para o mar.

A imensa piscina fica em frente ao restaurante tendo ao fundo aquele super mar azul.

UM BANGALÔ PARA CHAMAR DE MEU

O “meu cantinho” na Pousada Anttunina, atendia pelo nome de Villa Nina. De diminutivo, só mesmo a palavra “cantinho”. O queixo caiu! Mais do que um bangalô, a Villa Nina é uma super casa de praia. Um lugar onde eu adoraria ficar por meses a fio! São 200 metros de área, em total privacidade, cercada por espelhos d'água e com muito aconchego.

Villa Nina. (Crédito Zé Henrique)

No jardim, árvores frondosas como mangueira e oliveira, além de muitas flores, plantas nativas e a visita constante de pássaros, borboletas, saguis e coelhinhos. O jardim abraça com carinho a casa rústica, ampla e elegante, que é feita com grandes toras de eucalipto e muito vidro. O projeto não tem como ser mais bonito. Caprichadíssimo.

   
Villa Nina com ambientes integrados, detalhes impecáveis e muita luz natural.

Espaço Gourmet da Villa Nina conectado à sala e à piscina interna.

A imensa sala de estar é decorada com peças lindas de artesanato local, mobiliário em tons neutros, almofadões coloridos e flores naturais nos vasos. A sala é conectada ao espaço gourmet que conta com um mini bar muito bem equipado, máquina de café Nespresso, chá e uma infinidade de guloseimas. Dali se espalha uma piscina desde o interior do bangalô até encontrar a piscina externa. Como se não bastassem essas duas piscinas climatizadas, você também pode relaxar no ofurô ao ar livre, no redário ou num dos ambientes com sofás e espreguiçadeiras cobertos por ombrelones. Perfeito para quem está trabalhando em home office, pois o sinal de wi-fi é excelente e a privacidade é total. E vamos combinar que trabalhar com prazer faz um bem danado.

Cantinhos deliciosos para relaxar ou mesmo para trabalhar numa pool office.

Ao entrar na  suíte master, sobre o travesseiro, um chapéu de palha lindo nos foi presenteado indicando que o sol brilharia forte no nordeste. Previsão certeira! O quarto de casal é puro charme. Todo em cores suaves. Tem cama de casal king size, muito confortável, com dossel e enxoval Trousseau. Uma grande porta de correr envidraçada se abre para a piscina, outra para a sala e outra para o banheiro. Tudo devidamente integrado. À noite, um recadinho simpático da camareira é deixado com um docinho no criado mudo. Sabe aquele lugar onde tudo é pensado com tremendo zelo? A Anttunina Pousada Spa tem a intenção de surpreender a todo instante. E consegue!

Quarto de casal da Villa Nina.

O banheiro do casal tem duas pias, dois chuveiros maravilhosos e um janelão que deixa o ôfuro chegar ao alcance dos olhos. As amenities são L’Occitane e os roupões tem monograma da Villa Nina. Além desse, ainda tem um banheiro social enorme e com chuveiro. Caso você viaje com uma família grande, a sala de cinema (que é deliciosa) pode ser revertida em um quarto para duas ou até três pessoas.

Ofurô no deck do jardim da Villa Nina.

A Anttunina conta com oito bangalôs térreos com piscina, oito bangalôs superiores com varanda e três villas individuais imensas: Villa Nina, Vila Araticum e Villa Carassú. Todas recém inauguradas. Também visitei os bangalôs e recomendo. As instalações são impecáveis em todas as acomodações.

Os bangalôs com piscina têm 150m2 de área, piscina aquecida e muita privacidade.

Os bangalôs superiores são aconchegantes e muito caprichados.

Outro detalhe bacana é que os hóspedes das três villas têm carrinho elétrico à sua disposição, mesmo que a distância a ser percorrida não passe de 200 metros. Isso é saber mimar os hóspedes em grau máximo. 

A ARTE DE SURPREENDER

Um bom café da manhã faz qualquer dia nascer feliz. Então, imagine receber uma bandeja flutuante no conforto da piscina do seu bangalô, tipo Maldivas, com aquele banquete a la Festa de Babette. É de ficar sem palavras! Fui surpreendida a cada amanhecer com uma surpresa diferente. Café da manhã na praia, na sombra das árvores, no charmoso lobby, na piscina principal. Experiências incríveis e que ficarão gravadas na memória para sempre. Isso realmente faz a diferença.

Café da manhã de sonho, em bandeja flutuante, no próprio bangalô.

Eliene servindo o café no gramado em frente à praia.

Café da manhã servido no restaurante à beira da piscina.

Cada dia uma experiência mais incrível que outra.

A cozinha do Anttunina é maravilhosa. Não só no café da manhã organizado pela querida Eliene e servido até o último hóspede solicitar, como no almoço e no jantar servidos a la carte a comando da chef Jace Souza, e no chá da tarde orquestrado pela sorridente Renata, diariamente das 16h30 às 17h30, na sombra das árvores. E quer saber mais sobre a Renata? Nas horas vagas, quando a noite cai, ela interpreta divinamente Ana Carolina e Cássia Eller com seu poderoso vozeirão de contralto, arrancando aplausos dos hóspedes. Já deu para perceber que a equipe é sensacional, todos trabalham felizes e contagiam com sua alegria. A comunidade local é muito valorizada. Aliás, a maior parte dos funcionários da Anttunina é formada por familiares dos colaboradores do Engenho Carassú (que também pertence aos proprietários da pousada).

   

   
A chef Jace Souza vem chamando atenção na cozinha alagoana.

As mesas do restaurante ganharam mais distância e a maior parte delas fica na varanda aberta.

Saiba que o café da manhã, chá da tarde e jantar estão incluídos na diária. E se você quiser ir além solicite um jantar à luz de velas na praia, um brunch na canoa Anttunina, um pic nic pé na areia ou um jantar especial no seu bangalô. Todos os seus desejos serão permitidos e realizados. 

SIMPLES ASSIM

A Praia de Antunes - onde está localizada a Pousada Anttunina - é uma das mais bonitas do Brasil, e a mais bonita de Maragogi que conta com 22 quilômetros de praias. Se você quiser ficar quietinho lendo um bom livro, curtindo o sol, balançando na rede, ouvindo sua playlist favorita, relaxando na mega piscina, ou fazendo um tratamento no spa, até pode. Mas com esse mar divino que dança conforme a maré garanto que você vai querer passear de bike pelas praias, caminhar, dar um rolé de stand up ou caiaque naquela imensidão azul, nadar nas piscinas naturais e mergulhar de snorkel procurando Nemo ou seus primos Sargentinhos. Tudo isso bem na frente do hotel.

Praia de Antunes, em frente a Anttunina Pousada Spa.

PRAIA DA BRUNA

Bruna? Quem era a tal Bruna que costumava frequentar esse cantinho isolado do norte de Alagoas e acabou por emprestar seu nome à praia? Bruna Lombardi. A atriz, escritora e poetiza era vista habitualmente em Maragogi, nos anos 90. Ficava hospedada numa casa, exatamente onde uma ponta de mangue encontra aquele marzão azul. Daí a ganhar o nome da musa foi um pulo. A chamada Praia da Bruna é belíssima e pode ser acessada de bike ou em uma curta caminhada a partir da Pousada Anttunina quando a maré dá passagem. Caso contrário, a lancha da Anttunina ao Mar será ótima pedida.

Praia da Bruna.

Aliás, vale lembrar que a Anttunina oferece vários passeios de barco pelas praias de Maragogi, no programa Anttunina ao Mar. Recomendo que vá às piscinas naturais em frente a pousada, até a Praia da Bruna e ao Caminho de Moisés que parte de Maragogi mar adentro.

   
Anttunina ao Mar oferece passeios às piscinas naturais de Maragogi em total privacidade.

O Caminho de Moisés é um banco de areia que aparece na maré baixa, formando um espetacular corredor de areia que avança mar adentro até a barreira de corais. Mas vale lembrar que a maré sobe rápido e a caminhada é longa. Então, é fundamental que você se informe adequadamente sobre a Tábua de Maré e tenha o acompanhamento dos profissionais da Anttunina ao Mar para garantir sua segurança. Já houve acidente na região causado pela subida rápida da água. Vale ficar atento e ser cuidadoso.

   
De bike da Anttunina ao Caminho de Moisés.

MAS O QUE É TÁBUA DE MARÉ? 

Se você já esteve no nordeste do Brasil provavelmente já consultou a Tábua de Maré. Nessa região, o mar se movimenta bastante, subindo e descendo. Com isso a paisagem ganha contornos diferentes, conforme a dança da água. Trocando em miúdos, as marés altas ou baixas dizem respeito ao nível do mar. Quando a água atinge seu nível mais alto temos “maré alta ou maré cheia” e quando atinge seu nível mais baixo temos “maré baixa ou maré seca”. Quem influencia esse movimento do mar é a força gravitacional do Sol e da Lua em relação à Terra. Para garantir que sua viagem seja incrível, que os passeios sejam feitos na época certa e que você não saia frustrado é fundamental consultar antecipadamente a Tábua de Maré fornecida pelo site da Marinha. É exatamente no período de maré baixa que se formam as piscinas naturais, portanto é o melhor momento para ter aquele cenário de cinema à sua frente. 

Praia de Antunes na maré baixa.

A dança da maré é um ciclo constante. A maré vai se enchendo por cerca de 6 horas até atingir o ponto máximo. Então, começa a descer nas próximas 6 horas até atingir o ponto mais baixo. Ou seja, o ciclo completo acontece duas vezes ao dia. Mas, os horários mudam diariamente. E é por isso que você deve consultar a TÁBUA DE MARÉ. 

   

   
A praia de Antunes muda totalmente conforme a dança da maré. Lindo espetáculo!

Saiba que na Lua Cheia e na Lua Nova você terá as marés mais baixas, de nível 0.0 a 0.2. Esse é o melhor momento para visitar Maragogi e Porto de Galinhas, por exemplo. Já, nas luas Minguante e Nova a maré se movimenta bem menos podendo ficar entre 0.5 e 0.6. Portanto, a paisagem pode não estar tão interessante como você espera. Então, fique esperto para não se frustrar. 

Maré 00 na praia de Antunes. 

Programe-se para chegar às piscinas naturais uma hora antes do ápice da maré baixa para aproveitar ao máximo e observar a beleza que acontece quando a maré volta a encher. É lindo! A natureza revela sua força e sua beleza.

BATE E VOLTA 

Maragogi, onde se localiza a Pousada Anttunina, sem dúvida nenhuma, é um dos destinos mais cobiçados do Brasil por ter um mar azul turquesa calminho, quente e as chamadas “galés” ou seja, piscinas naturais. O vilarejo de Maragogi em si é bem simples e conserva as características de uma vila de pescadores. Nesse momento, nem recomendo que vá até lá, pois haverá aglomeração por conta da grande quantidade de visitantes que saem em excursões em grupo para as piscinas naturais (mais de mil pessoas ao dia). No entanto, algumas das praias mais conhecidas da região, como Burgalhau, Barra Grande e praia da Bruna, podem ser acessadas a pé a partir da praia de Antunes (que é sem dúvida a mais bonita de todas).

A seguir, de Maragogi em direção a Maceió, vem São Bento e Japaratinga, uma região mais tranquila e bem bonita entre coqueiros, com águas calmas e piscinas na maré baixa. Você pode ir até a Crôa de São Bento, uma piscina natural que passou a atrair o turismo recentemente mas não será muito diferente do que você encontrará na praia de Antunes.

   
São Miguel dos Milagres.

Se tiver tempo atravesse o rio Manguaba de balsa para chegar em Porto de Pedras, uma cidade pacata, com casinhas coloridas e crianças brincando pela rua. Continue até a badalada Praia do Patacho, visite a Associação Peixe-Boi em Tatuamunha, vá a Praia de Lages e a São Miguel dos Milagres (onde ficam as praias do Marceneiro, do Riacho, do Toque), eis alguns dos lugares que fazem parte da Rota Ecológica de Alagoas. Saiba que a travessia da balsa pode ter espera demorada, dependendo do movimento de carros. Há outra rota mais longa caso queira evitar a balsa. Portanto, melhor do que fazer um bate e volta é ficar hospedado por alguns dias para curtir com calma essa região linda. 

Igrejinha do Patacho.

No Patacho visitei a Pousada Pedras do Patacho, construída há 3 anos com projeto bem contemporâneo ao lado dessa igrejinha linda. Tem 15 apartamentos no total. Indico que escolha um dos 7 bangalôs de frente para o mar. Outras pousadas bem indicadas são Reserva do Patacho, Samba Pa Ti e Pousada do Toque em São Miguel dos Milagres. 

Amei a Pousadas Anttunina e a Camurim Grande.

   
Pousada Camurim Grande. Maravilhosa!!

COMO CHEGAR

A distância do Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares de Maceió e do aeroporto de Recife é praticamente a mesma até a Pousada Anttunina. Você precisa fazer um transfer de aproximadamente 1h30 de estrada. Alugar carro é ótima opção.

ENFIM...

A Costa dos Corais, ao norte de Alagoas é belíssima. Tem vastos coqueirais, praias incríveis, barreiras de corais, piscinas naturais, sol o ano todo, dança da maré, rios, antigos engenhos, muita gente boa e a espetacular Pousada Anttunina pé na areia, na praia de Antunes, um reduto de privacidade e bem-estar perfeito para quem quer viver experiências inesquecíveis em contato com a natureza. Fique pelo menos 5 dias nesse paraíso azul comparável às Maldivas e mesmo assim tenho certeza de que sairá querendo ficar.

Obrigada Alagoas! Obrigada Família Anttunina! Já quero voltar.

LEIA TAMBÉM 

AS SETE MELHORES POUSADAS DE ALAGOAS

DESCUBRA OS SEGREDOS DO FAIRMONT MALDIVES SIRRU FEN FUSHI

CINCO REFÚGIOS NA SERRA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

20 POUSADAS INCRÍVEIS NO BRASIL PARA VOCÊ SE CONECTAR COM A NATUREZA

Booking.com

Compartilhe:

COMENTÁRIOS

Deixe seu comentário. Obrigada!