KA BRU BEACH TRAZ A GRÉCIA PARA A BAHIA

Com silhueta grega e sotaque baiano, o Ka Bru Beach Boutique Hotel abriu as portas cheio de personalidade na Península de Maraú. É intimista, contemporâneo, minimalista e regado a dendê. A mistura deu tão certo que ele já virou um dos queridinhos do sul da Bahia. 


Ka Bru Beach Boutique Hotel

Suas seis acomodações são concorridas. Difícil conseguir uma reserva nessa reduto de paz onde o rio Carapitangui encontra o mar. Os sócios Dani Karage e Patrick Armbruster dizem que o Ka Bru está muito requisitado nesse momento pois oferece isolamento, natureza e serviço. E eu confirmo a declaração! O Ka Bru Beach foi premiado com o Certificado de Excelência do TripAdvisor, em 2020.

Ka Bru Beach, um refúgio de tranquilidade.

Todo branquinho, o hotel salta no verde do imenso terreno onde foi plantado, no bairro de Campinho, perto do vilarejo de Barra Grande. A arquitetura em linhas retas e com desníveis em degraus remete de cara as Ilhas Gregas. Puro charme!

Ka Bru, onde a Grécia encontra a Bahia.

A grande porta de madeira dá as boas vindas e convida a entrar enquanto os olhos varrem as peças belíssimas de artesanato espalhadas harmoniosamente pelo lounge. Móveis em madeira clara e sofás confortáveis com almofadões pretos contrastam com as paredes e com o piso branco. É tudo aberto. A luz do sol e a brisa constante da península invadem os ambientes sem pedir licença. 

Lounge do hotel Ka Bru.

Basta andar alguns passos e a piscina acena com seu azul, cercada por um imenso jardim tropical e tendo a praia como moldura. Duas das seis suítes se abrem para a piscina, duas têm vista para o jardim, uma está conectada ao lounge e há uma única acomodação na cobertura, com vista panorâmica da baía. Essa última é a maior delas e a mais escondidinha.

Suíte com vista para a piscina.

Aconchego e elegância nas suítes.

As acomodações são muito acolhedoras. Quartos clean, com cama King size, ótimos lençóis e travesseiros, mosquiteiro e janelões que fazem conexão com o ambiente externo. Os banheiros são espaçosos e tem decoração moderna. Muita madeira, paredes em cimento escovado cinza escuro, duas pias e dois chuveirões garantem banhos relaxantes. Amenities em grandes embalagens evitam o desperdício e reduzem o consumo de embalagens plásticas. Esse é apenas um dos cuidados com o meio ambiente. A Península de Maraú me surpreendeu muito com a consciência ambiental. Bela surpresa!

Banheiros modernos no Ka Bru.

Junto da piscina está o restaurante-bar que é maravilhoso. Tudo é bom do café da manhã ao jantar. A cozinha é toda aberta para que o hóspede acompanhe o chef no preparo das refeições. Os ingredientes orgânicos locais são priorizados para criar conexão com a cultura da região. Não deixe de experimentar a caipirinha de mel de cacau com melado de cana (imperdível!). Menu vegetariano também é oferecido. A um canto, Zeus, o guardião do Ka Bru dorme sem se preocupar com nada. O cão tigrado fofíssimo, que faz referência ao deus mais poderoso do olimpo, encanta a todos com sua doçura e adora ficar no restaurante.

  
Zeus de olho no café da manhã.

O Ka Bru é um convite perfeito para desacelerar, deixar as batidas do relógio de lado e ouvir as batidas do seu coração. Acorde, respire, alongue o corpo, pratique uma experiência de yoga flow em contato com a natureza com um professor indicado pelo hotel, tome um café da manhã bem demorado, caminhe pela praia quando a maré estiver baixa, vá de stand up pelo rio Carapitangui caso a maré esteja alta (o hotel oferece gratuitamente aos hóspedes). Para carimbar o dia com doses extras de saúde e vitalidade faça uma massagem prana com duração de uma hora e meia. 

Stand up paddle no rio Carapitangui.

Se quiser ir mais longe chame o barqueiro para te conduzir ao outro lado do rio. Você ajudará a comunidade local pagando 40 reais para ir e vir num barquinho rústico. Desça no Bar da Rô que é uma ótima opção para fazer uma refeição ou curtir o sunset. Andando um pouco mais você chegará ao centrinho de Barra Grande que é um vilarejo com ruas de areia, parado no tempo, e cheio de calor humano. Não deixe de ir até a Ponta do Mutá para curtir o pôr do sol. No Píer de Barra Grande você poderá tomar um barco para ir até as ilhas do Goió e da Pedra Furada, na Baía de Camamu. A Península de Maraú é uma bela caixinha de surpresas. Se você ficar um mês por lá terá novidades todos os dias! Que natureza exuberante.

Vá de barco para o outro lado do rio.

Além do Ka Bru Beach, o grupo conta com outras três propriedades. A quatro quilômetros dali fica a Ka Bru Villa Sunset, uma casa muito exclusiva no Cassange. As outras duas ficam em Itacaré, a 40 quilômetros de Barra grande. A Ka Bru Forest é uma casa de luxo construída numa árvore na Mata Atlântica, perfeita para quem quer viver uma experiência de conexão com a natureza e a Ka Bru River Villa é uma casa próxima de um vilarejo de pescadores, com dois quartos, sala, cozinha, terraço panorâmico e piscina.

Ka Bru Forest.

O Ka Bru Beach Boutique Hotel (faça sua reserva aqui) é um destino charmoso e elegante, num lugar isolado, onde tudo é feito para que você se sinta em casa. O serviço é personalizado. Dani, a proprietária, circula atenta aos desejos dos seus hóspedes e atende à todos com sorriso no rosto. 

O Ka Bru é especial. Recomendo! 

LEIA TAMBÉM 

VILLA KANDUI TRAZ AXÉ PARA A PENÍNSULA DE MARAÚ

CONHEÇA A ESPETACULAR POUSADA ANTTUNINA EM ALAGOAS

Booking.com

Compartilhe:

Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe seu comentário. Obrigada!