O QUE VOCÊ NÃO PODE PERDER EM DUBAI



É surpreendente como Dubai continua firme e forte em construção. A cada dia novas obras de engenharia pipocam do deserto em direção aos céus das arábias e transformam o que um dia foi um pequeno vilarejo de pescadores numa cidade do futuro. Se há pouco tempo ouvia-se falar que Dubai não tinha personalidade, saiba que isso mudou. Dubai tem sim cultura própria enraizada na herança dos beduínos e nas tábuas do islã, tem dança, tem música, tem falconaria, tem a sabedoria do deserto e paralelamente tem arquitetura audaciosa, tem um skyline espetacular, tem praias discretas, tem um olho no mundo fashion e vida contemporânea.

Skyline de Dubai.

Ao desembarcar no aeroporto você já percebe a aura de luxo e abundância que os petrodólares assinam. É um dos aeroportos mais imponentes do mundo. Dubai se transformou num belo hub. Dá prazer descer do avião naquele aeroporto lindo e se aventurar pelas ruas limpíssimas e seguras da cidade.

Aeroporto de Dubai.

Um metrô de superfície zigue-zagueia nas alturas fazendo lembrar das aventuras da família The Jetsons. Ele circula por grandes avenidas, faz paradas em shoppings inacreditáveis que até pista de ski e aquário tem dentro, além de passar pertinho de prédios de cair o queixo com silhuetas surreais.

Então vamos a um roteiro cheio de novidades.

Comece explorando a parte velha da cidade para sentir a alma de Dubai e aos poucos mergulhe na suntuosidade.

1) GOLD SOUK. Explore os antigos mercados ou souks de ouro e especiarias no bairro de Deira. Negocie muito o preço do que eventualmente lhe interessar. Afinal, árabes têm fama de ser bons negociantes e eles chegam a ser insistentes. Observe as vestimentas tradicionais dos homens e das mulheres. Eles de branco, elas de preto.

Mercado do Ouro.

2) MESQUITAS, MUSEU DE DUBAI E BASTAKIYA. Embarque num tradicional “abra”, barquinho de madeira, pague 1 dirham, se misture aos locais e do outro lado do Creek (braço de mar) você já vai começar a ver o passado e o presente se misturando com o futuro. Visite as antigas MESQUITAS com as fachadas ladrilhadas com azulejos azuis, homens podem entrar nos salões principais, já as mulheres tem uma ala separada. Visite o MUSEU DE DUBAI - dentro das muralhas do Forte Al Fahid - para conhecer mais sobre a história do povo. Caminhe pelas ruas de BASTAKIYA que reproduz o começo de tudo, como se fosse uma cidadela nos moldes antigos, mas construída recentemente. Tem beduínos e senhoras cobertas dos pés à cabeça nos seus afazeres. Várias vezes ao dia soa o chamado para oração.

Bastakiya.

3) AT THE CREEK AL SEEF. Caminhe mais um pouco e você chegará ao recém construído AL SEEF, uma parte nova do Creek com lojas e bons restaurantes. Esse calçadão se estende por quase dois quilômetros e tem áreas tradicionais com ruelas estreitas à moda antiga e outras super contemporâneas.

Al Seef.

4) MUSEU EITHAD. Aproveite que está perto do EITHAD MUSEUM que tem uma bela silhueta e descubra um pouco mais sobre a história dos Emirados Árabes.

5) MUSEU DUBAI FRAME. Conheça o novíssimo DUBAI FRAME. O prédio na forma de um gigantesco porta-retrato dá as boas-vindas aos visitantes de Dubai com uma bela obra de engenharia e funciona como um museu. Uma das torres retrata o passado do Emirado Árabe enquanto a outra projeta o futuro. A visita leva pouco mais de uma hora, caso não haja fila, pois há apenas dois elevadores pequenos para conduzir ao topo do prédio de 150 metros de altura, onde uma passarela com chão de vidro rende boas fotos e um pouco de medo.

Museu Dubai frame.

6) DUBAI GARDEN GLOW. Se estiver escurecendo aproveite para ir ao DUBAI GARDEN GLOW e assistir ao show de luzes que fica quase ao lado do Dubai Frame. Dessa vez, ele apresenta o tema Safári e exibe animais e flores, no Parque Zabeel ao lado do museu Dubai Frame. Informe-se antes, pois o show é sazonal.

7) DESIGN DISTRICT. Outro ponto interessante é o DUBAI DESIGN DISTRICT. Ele foi reproduzido nos moldes americanos e parece muito com o de Miami, no entanto mais imponente.

8) THE DUBAI MALL. Ande muito pelo THE DUBAI MALL. É “o lugar” para fazer aquelas comprinhas nas mais de 1200 lojas, ficar hipnotizado com os peixinhos do gigantesco aquário no interior do mall e quem sabe patinar no gelo no rinque de tamanho olímpico. O shopping têm cafés deliciosos como o Armani, Angelina e Fauchon.

Dubai Mall.

9) THE DUBAI FOUNTAIN. Basta sair do mall e você pode assistir a cada meia hora, a partir das 13 hs, o espetáculo das águas dançantes da fonte ao ar livre. O projeto foi feito pelo mesmo grupo que criou o do Bellegio, em Las Vegas e tem como pano de fundo o prédio Burj Khalifa.

10) AT THE TOP AT BURJ KHALIFA. E por falar no Burj Khalifa suba ao AT THE TOP para ver Dubai a partir do ponto mais alto da cidade. O visula é incrível especialmente ao entardecer quando as luzes começam a acender. Compre o ingresso antecipadamente pela internet para evitar filas. O valor do ingresso é 130 Dhs. Entrada pelo The Dubai Mall. E ao escurecer assista ao show de luzes do Burj Khalifa. É lindo.

At the Top at Burj Khalifa.

11) OPERA E LA PERLE. Dubai também começa a oferecer espetáculos interessantes seja na DUBAI OPERA, um teatro com lugar para duas mil pessoas com boa programação internacional ou o La Perle, um show fixo criado especialmente para Dubai, num teatro construído com uma piscina de 12 metros de profundidade especialmente para o espetáculo.

12) LA MER. Quer praia? Dubai também tem! O novo point é o LA MER. Duas pequenas enseadas de mar calmo contam com uma bela infra-estrutura que oferece mais de 130 lojas, cafés e restaurantes, além de esportes náuticos. É novo e já vive lotado. Ali foi instalado o playground inflável Hawa Hawa, copiado dos parques japoneses.

La Mer.

13) CITY WALK. Perto dali um lugar charmoso que você não pode perder é o CITY WALK, uma área de entretenimento com lojas legais, restaurantes frequentados especialmente pelos próprios árabes, cafés lindos como o Secret Garden e o L'Eto. Com crianças e adolescentes não deixe de ir ao Hub Zero, uma área gigantesca de jogos eletrônicos e simuladores, e ao Green Planet, um bio-dome educativo que ensina sobre fauna e flora. Ao entardecer, na fonte central tem um show de luzes com projeção na água. O hotel .... abriu as portas recentemente no City Walk.

L'Eto, no City Walk.

14) BURJ AL ARAB E KITE BEACH. O principal cartão-postal de Dubai continua sendo o inusitado hotel BURJ AL ARAB JUMEIRAH, de arquitetura exótica, no formato de uma vela, numa ilha artificial. Fotografar o hotel apenas por fora se você não estiver hospedado nele ou tiver uma reserva para o chá da tarde por 600 Dhs. O pôr do sol é a hora ideal para curtir o belo contorno. Mas, se quiser curtir uma praia vá até a Jumeirah Beach Road onde você terá boa estrutura na Kite Beach e espere ali mesmo até a despedida do astro rei.

Burj Al Arab.

15) SOUK MADINAT JUMEIRAH. Um dos locais mais simpáticos da cidade para curtir o final do dia é o Souq Madinat. O mercado tem arquitetura tradicional árabe, restaurantes e lojas tipicamente árabes. É cercado por um canal onde circulam barcos de madeira. Um charme. De vários ângulos se vê ao longe o hotel Burj Al Arab.

Souk Madinat Jumeirah.

16) MALL OF EMIRATES. Foi um dos primeiros shoppings surpreendentes da cidade. Tem mais de 600 lojas, uma ala destinada a grandes marcas internacionais e a famosa estação de ski. Dentro do mall tem um Hotel Kempinski super luxuoso.

17) SKYDIVING E MARINA. Que tal se jogar em Dubai? Para os aventureiros, o skydiving na Palm Jumeirah, pode provocar boas descargas de adrenalina. Se quiser investir 2.200 Dhs na emoção é só chegar na Dubai Marina. Depois, aproveite para dar uma caminhada pelo calçadão e comer alguma coisa na área chamada The Beach, na Marina.

18) GLOBAL VILLAGE E MIRACLE GARDEN. Um pouquinho afastado do centro fica o GLOBAL VILLAGE, que lembra um pouco o Epcot Center com lojas de várias partes do mundo e construções típicas de cada país. No entanto, mais surpreendente é o MIRACLE GARDEN, um jardim inacreditável em pleno deserto.

Miracle Garden.

19) Para circular pela cidade use metrô, taxi, uber ou embarque no Big Bus Tour para uma primeira exploração por 240 Dhs.

20) Um passeio que todos amam é o Safári no Deserto. A aventura começa a bordo de um carro 4x4 que aos poucos vai se afastando da cidade e mergulha nas areias do deserto onde é servido um jantar típico dos beduínos, tem passeio de camelo e por do sol nas dunas. Os hotéis costumam oferecer pacotes de todo tipo, informe-se com o concierge do seu hotel. Se preferir uma experiência mais impactante hospede-se num hotel no deserto.

21) BRUNCH COM VISTA do Burj Khalifa pode ser uma boa opção no rooftop escondidinho do Taj Dubai, no Business Bay.

22) BONS RESTAURANTES. Zuma, Nobu, Hakkasan, Buddha-Bar, Din Tai Fung, Wafi Gourmet, Em Sherif, Slider Station,

23) HOTÉIS LEGAIS: Armani Dubai, Palazzo Versace, Four Seasons, Address Mall of Emirates, Shangri-La, Ritz-Carlton, Kempinski.

Dubai não para de surpreender. A cada dia surgem novos cantinhos.

LEIA TAMBÉM

PALAZZO VERSACE DUBAI E SHANGRI-LA DUBAI

Compartilhe:

COMENTÁRIOS

Deixe seu comentário. Obrigada!