LA CASA DE PAPEL, DÊ A VOLTA AO MUNDO COM OS PERSONAGENS


Madrid. Um roubo de arquitetura perfeita sacode a capital espanhola. A Casa da Moeda é o primeiro alvo de uma das séries mais elogiadas do Netflix. Comandados pelo mentor intelectual que chamam de “El Professor”, oito personagens se aventuram no mundo do crime, com nomes de cidades: Berlim, Moscou, Tóquio, Denver, Rio, Oslo, Helsinque e Nairóbi. Depois de alguns dias trancafiados com um grupo de reféns, surgem novas parcerias com Lisboa, Estocolmo; além de Bogotá, Palermo e Marselha que entram na terceira temporada. Uma verdadeira epopeia do streaming que acaba de chegar a quarta temporada em boa hora, para nos fazer companhia durante a quarentena de coronavírus.

El Professor, o cérebro da comentada série La Casa de Papel.

A trama é muito bem amarrada. O arrojado grupo deve entrar na Casa da Moeda para fabricar seu próprio dinheiro (que não é pouco!) enquanto interage com 67 reféns e negocia com a força militar da Espanha. Os personagens são de uma humanidade e complexidade tão grandes que acabam gerando conexão com o espectador. A torcida para que consigam sair vivos é enorme, mesmo que o método usado por eles para enriquecer não seja lá muito nobre, muito menos correto.

Para desempenhar seus papéis de ladrões Robin Hood, tipo benfeitores, eles questionam as mazelas do capitalismo enquanto revelam as fraquezas, inseguranças, sofrimentos e fragilidades emocionais de cada um. E assim, o caldo da empatia com os sequestradores só faz engrossar.

La Casa de Papel.

Vamos viajar pelo mundo com eles?

Tóquio tem personalidade forte. É irreverente. Agitada. Uma verdadeira caixinha de surpresas, assim como a capital do Japão. Entra na trama já fugindo da polícia por encrencas anteriores. Como regra ditada pelo professor, os bandidos não devem se envolver sentimentalmente. Mas Tóquio logo se enrola com Rio e passa por situações de risco por causa da paixão.

As cores da agitada Tóquio.

Rio, o hacker do bando, é jovem, impetuoso, ainda inexperiente, age por impulso. É ciumento com Tóquio e bate de frente com Berlim o tempo todo. Em vários momentos Rio se atrapalha e comete falhas. Deixa até com que os policiais reconheçam sua identidade. Assim como o personagem, nossa Cidade Maravilhosa também é jovem, linda e tem lá suas dificuldades.

Rio e sua beleza sem máscara.

Berlim é quem lidera a operação na parte de dentro da Casa da Moeda enquanto o professor dita as ordens do lado de fora. Eles deixam transparecer que têm muita intimidade. Seriam namorados, amigos, irmãos? Sim, irmãos! Berlim tem atitudes frias, calculistas e não se deixa intimidar. Tem olhar firme, profundo e sarcástico. Está disposto a tudo para que o plano dê certo, inclusive perder a vida. Sua dureza faz lembrar o passado trágico da cidade de Berlim.

Berlim, um passado forte.

Nairóbi é guerreira, determinada e talentosa com falsificações. Ela embarca no plano do professor com o objetivo de reaver a custódia do filho de 7 anos e fica com a responsabilidade de controlar a impressão do dinheiro. Por ter habilidade com liderança, em dado momento chega a assumir a operação comandada por Berlim dentro da Casa da Moeda. Nairóbi é a capital do Quênia, um destino que pretendo desvendar em breve.

Nairobi e a mãe natureza.

A inspetora Raquel faz parte da inteligência policial. Não mede esforços para tentar resolver a situação crítica que assombra a Casa da Moeda e liberar os reféns com vida. Aos poucos ela e o professor vão desenvolvendo um estranho caso de amor que faz com que ela mude de lado na operação e assuma o codinome Lisboa. Eis uma das cidades europeias mais cobiçadas pelos brasileiros pelo idioma, pela gastronomia e pela afinidade histórica.

Codinome Lisboa.

Entre os reféns, os amantes Monica e Arturo fazem barulho. Arturo, o diretor da Casa da Moeda, é casado, e descobre durante o sequestro que sua secretária Monica está grávida dele. Um homem prepotente, resistente e egoísta que toma atitudes intempestivas tanto com o bando, a ponto de levar um tiro, como com Monica que se decepciona com o chefe e se envolve com seu algoz. Síndrome de Estocolmo? Da paixão surge uma nova integrante do grupo, Estocolmo. Uma cidade suave, nobre e adorável.

A delicadeza de Estocolmo.

Pois foi Denver quem rompeu a regra de não se envolver com uma refém. Ele se aproxima de Monica ao ser designado para dar um corretivo na moça grávida e audaciosa. Mas, ele não consegue matá-la e arma um plano B. Esconde Monica num cofre depois de atirar na sua perna e simular sua morte. Cuida dela com tamanho zelo que os dois se apaixonam. Denver foi a cidade onde cursei parte do meu doutorado em biomecânica da laringe. Uma cidade universitária borbulhante, cercada por imponentes montanhas nevadas.

Denver entre montanhas.

Moscou, outro componente do bando e pai de Denver, fica tão desesperado ao imaginar que seu filho assassinou uma pessoa, que ameaça se suicidar. Fica aliviado ao descobrir que Monica está viva, escondida e sendo tratada com dignidade pelo filho. Moscou é um dos personagens que não sai vivo da Casa da Moeda. E o que dizer sobre a cidade de Moscou? Uma cidade imponente, misteriosa e de trajetória extremamente complexa.

Os mistérios de Moscou.

Oslo é discreto, tranquilo, sombrio, eficiente e forte, assim como a capital da Noruega. Num momento de distração é pego de surpresa por um grupo de reféns em fuga da Casa da Moeda. Ferido na cabeça com uma barra de ferro, não resiste. Helsinque se encarrega de cuidar do parceiro até os últimos momentos de vida enquanto a operação vai se tornando mais complicada.

Oslo, uma cidade discreta.

Helsinque é primo de Oslo, um sérvio bruto que entrou para o bando pela experiência em guerras. É gay e não esconde sua sexualidade de ninguém. Apesar de parecer um brutamontes é um personagem sensível. Toma decisões difíceis e mantém a estrutura. A cidade de Helsinque é a simpática e discreta capital da Finlândia, um país gelado e de paisagens estonteantes.

A serenidade de Helsinque.

Palermo, o misterioso sócio e companheiro fiel de Berlim, é irreverente e dado a polêmicas. O engenheiro argentino entra na série apenas na terceira parte e assume a liderança durante o assalto ao Banco Central. Envolve-se com Helsinque e sempre se mete em embates com os companheiros, especialmente com Nairobi que vive com Helsinque. A cidade italiana de Palermo guarda muitos segredos.

Palermo e seus humores.

Bogotá é um experiente metalúrgico, mulherengo e pai de sete filhos. Ele se interessa por Nairóbi que não lhe dá muita atenção. Poucas palavras, atitudes firmes e bom controle emocional. A cidade de Bogotá assim como o personagem, é madura, e tem uma história cheia de nuances.

Bogotá, uma cidade acinzentada, chuvosa e muito viva.

Marselha é um ex-soldado grandalhão, incumbido de auxiliar o professor na estratégia externa do segundo assalto junto com Raquel. Um personagem discreto e decisivo. 

Marselha e seu porto.

Na terceira temporada, ao encabeçar um assalto ao Banco Central para resgatar Rio da prisão, as estratégias do professor Sérgio Marquina parecem sair um pouco do seu controle. Ele se desespera especialmente quando supõe que Raquel tenha sido executada. 


Booking.com

Compartilhe:

Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe seu comentário. Obrigada!